quinta-feira, 27 de setembro de 2018

PORQUE BOLSONARO NUNCA IRÁ GOVERNAR ESSE PAÍS

PORQUE BOLSONARO NUNCA 
IRÁ GOVERNAR ESSE PAÍS


Fico abismado em ver muita gente querendo que #Ele  (Bolsonaro) - ganhe as eleições.  Ainda que Bolsonaro discurso após discurso, frase após frase, se desconstrua a si mesmo.  O efeito das declarações nefastas #Dele e de seu vice (e também dos seus filhos) é o contrário da qualidade, ou seja:  "quanto pior melhor".


No lado de dentro do seu reduto eleitoral, seu fã-clube, seus entusiastas, se deliciam com a última frase disparada contra alguma minoria.  Nessas rodas de  pseudo-nazifacistas escarnecedores,  se comemora toda promessa de destruição, toda ameaça, toda intimidação.



Morte, Porrada, tiros, extermínio, tortura, estupro, prisão e sequestro são as palavras preferidas dessa gente.  Mas eles se defendem dizendo que falam essas coisas sim, mas apenas por brincadeira.
Em resumo, absurdo após absurdo, escrito, fotografado ou falado...  COMEMORA-SE!!!!
Apoiado, é isso mesmo, tá certo...  O Discurso do ódio faz cada vez mais sucesso entre eles mesmos.

Mas a questão política que faz um líder chegar longe e se impor, ganhar uma eleição e depois de ganha-la conseguir governar uma nação, vai muito além disso. 

É preciso muito mais que a admiração do seu próprio grupo de seguidores.   É preciso de uma sustentação de espectro amplo: uma sustentação abrangente.  Os seus fiéis admiradores e eleitores são só uma pequena parte desse conjunto, de suma importância, é verdade, mas longe de ser o todo necessário.

As Forças Políticas tem no Povo o seu grande desafio, precisa dele para se estabelecer no poder: precisa primeiro do Povo para investidura e depois para manutenção.  Mas as forças políticas também precisam da aprovação dos seus pares, dos seus superiores...  

No caso de um líder que precisa concorrer para ganhar a presidencia de um país, ganhar toda aprovação de seu próprio grupo, mas não ganhar nenhuma simpatia de todos outros grupos internos nacionais e nem dos estrangeiros não ajuda muita coisa.

Mas se esse grupo do Bolsolnaro representar quase 100% das Forças Armadas e Militares?????

Ainda assim, vai faltar sustentabiidade.  Periga de ganhar o poder de governo, mas não por muito tempo. E acho que essa questão de um governo cair por conta de instabilidade está bem provada no impeachment de Dima, que ganhou mas não governou.

Se Haddad não ganhar no 1º turno, Bolsonaro vai  precisar ampliar seus votos para tentar ganhar no 2º turno, mas de onde vai obter esses votos com um discurso que agrada somente seus seguidores???

Bolsonaro sabe disso, é impossível que não saiba que seu discurso AMEAÇADOR não o torna um bom candidato de 2º turno.  Então o que pretende fazer agora, quando as pesquisas mostram que vitória no 1º turno só são possíveis para Haddad.



Quando Bolsonaro aumenta o tom, Mourão mais ainda e General Vilas Boas não combate o discurso de ódio e de ameaças, ao contrário, endossa tudo que dizem. 
Parece dizer assim:


Apoio um Novo Golpe Militar se Bolsonaro Não ganhar.
Apoio um Novo Golpe Militar se Bolsonaro Ganhar.
Apoio um Novo Golpe Militar de qualquer jeito.

Aécio e Cunha disseram que Dilma ainda que ganhasse um segundo mandato, não governaria.

Agora os militares dizem que ganhando Haddad ou Bolsonaro  (no 1º ou no 2º turno) no fim serão eles - os militares - que vão governar e exercer o poder.  

E ao que parece, Bolsonaro seria até condecorado, mas não faria parte desse tipo de Governo. 

(Questão de hierarquia? Pega mal um Capitão mandar em Generais numa ditadura)

E a nação?  Vai aceitar?
Caso essas coisas aconteçam?
Melhor preparar um antídoto, um contra-golpe político!

Um belo puxão de orelhas, para começar, já ajudava. Senhor Presidente Temer faça isso que vai contar ponto quando formos tratar das anistias.



By MiCOlion
tOllstad