domingo, 4 de novembro de 2018

Tá Na Bíblia: Sai Dilma Entra Bolsonaro!

Israel vivia pacificamente, Não Tinha um Soberano-Ditador, Não tinha Exército Regular, Nem Corte e Nem Palácios, Não Havia Impostos e nem Arrecadadores.

Nesse Tempo, um Professor (profeta) Samuel é que dava direção ao povo.  Samuel não era um militar, general, rei ou algo assim: era mais um apaziguador, mediava conflitos e encrencas.

Por conta dessa situação, a segurança de Israel era precária, era muito comum pequenas invasões.  O inimigo, com exército, invadia Israel e saqueava suas plantações.  Se havia alguma violência?  Quase nunca, pois o povo pacato, ao saber da aproximação do inimigo, abandonava tudo e só voltava depois que o inimigo ia embora.

Por conta dessa Insegurança, que transtornava a vida das pessoas, os habitantes de Israel quase não podiam dormir de preocupação. Mas esse incomodo, foi formando na mente das pessoas uma sempre crescente revolta e insatisfação.  E começaram a bradar que queriam um Monarca bem malvado, valente, que constituiria um exército e acabaria com todos seus inimigos.  Essa idéia foi crescendo em popularidade, até que representantes do povo se chegaram ao Profeta Samuel dizendo:

QUEREMOS UM DITADOR QUE ANIQUILE TODOS NOSSOS INIMIGOS, MAIS QUE QUEREMOS: EXIGIMOS ISSO!

O Profeta Samuel foi conversar com Deus sobre a idéia que ele achava absurda.  No seu entender, os problemas só aumentariam.
Mas Deus lhe disse: SAMUEL FAÇA O QUE O POVO PEDE!

Então Samuel escolheu Saul (o louco) para ser o Rei daquela Nação e aconteceram muitas guerras, como o povo desejava.


By Mico
Leão
Dourado
Prateado
Encarnado







Nenhum comentário: