sexta-feira, 10 de junho de 2016

JANOT QUER PRENDER CUNHA, LULA E MORO E VIRAR HERÓI NACIONAL!



JANOT CONTRA O SUPREMO???  

O QUE O STF VAI FAZER??? 

DESTRUIR A NAÇÃO???

De que adianta vencer e, num Golpe de Estado, tomar o Governo de um País totalmente dividido e  devastado?  

O Golpe, após as 3 gravações, acabou!



E sejamos sensatos, precisamos urgentemente de uma Saída para que essa Crise Política da tentativa de Golpe NÃO se transforme em Guerra Civil.

E é lógico que não existe um começo melhor que a recondução de Dilma a presidência.
Mas a recondução não basta!


É necessário costurar um Grande Pacto Nacional
Não aquele "pacto panelinha" que pretendiam Renan, Jucá e Sarney barrando a Lava Jato com Impeachment de Dilma. E usando o PT como boi de piranha, manobrando o povo, para seguir com a boiada da corrupção. 

Ao contrário, é preciso da participação lúcida da Sociedade. Não é possível excluir o Povo desse combinado, é necessário consultá-lo, se  fazer um Plebiscito e se for o caso novas eleições (presidenciais ou gerais)... vamos aguardar.


"Será necessário consultar a população para remontar um 'pacto' que vinha desde a Constituição de 1988 e foi rompido com o processo de impeachment"
Disse Dilma ao jornalista Luis Nassif

Enquanto aguardamos esse pacto e essa consulta popular, é natural que se desenhe em nossas mentes o Cenário dessas eleições presidenciais pós-pacto que ocorrerão em 2016 ou 2018.

Com tantos nomes de políticos do executivo e legislativo desmoralizados, fritados nesse escândalo da Lava Jato, espetacularizado na Mídia;

E outros menos divulgados:
Panamá Papers, Merendão, Carf, Suiçalão, Furnas, Mensalão do PSDB... escondidos pela mídia mas mostrados na internet, muitos nomes do judiciário apareceram como alternativa.

Barbosa foi o primeiro,  depois Moro e agora Janot, entre outros.  


Esses heróis "salvadores-da-pátria"
vindos do judiciário, capitalizaram popularidade pela cobertura exagerada da mídia e transformaram essa visibilidade em capital político que poderão (ou não) usar em candidaturas presidenciais.

Se os membros do judiciário pretendem mesmo caminhar nessa direção, em tese, poderiam usar seus cargos atuais (prevaricar) para eliminar possíveis adversários na corrida presidencial.

 
Pensando assim, é que dizem que Moro quer prender ou desmoralizar Lula para que ele próprio seja o único candidato com chances de vencer as eleições.


É nesse cenário que Janot manda para cima (STF) Cunha mais 3 senadores do PMDB e para baixo (Moro) o ex-presidente Lula e Jaques Wagner.   


O que o PGR fez na prática???

Em primeiro lugar, cumpriu com seu dever de encaminhar para julgamento ao invés de engavetar


Mas também coloca em sinuca o STF e Moro que ficam obrigados a julgar (absolver ou prender).
Se o Supremo prende os que recebeu (Cunha, Renan, Jucá, Sarney)

 enterra o impeachment, se os solta se desmoraliza.

Se Supremo (Zawaski) permite que Lula e Wagner sejam devolvidos a Moro, Absolve Moro do Crime de colocar escuta na presidenta e divulgar os áudios sem permissão. 


Se nega que desçam, Incrimina o Juiz Moro.
E aí fica fácil que Janot possa pedir sua prisão.


Toda comunicação envolvendo a presidente da República é uma questão de segurança nacional, conforme a Lei 7.170/1983


Se Teori reafirmar o crime de Moro numa possível negativa, o juiz tucano poderá ir para prisão. Caso contrário, Janot também ganha, pois tira da corrida presidencial Lula e Wagner.


É meus amigos...

Janot está arrumando briga com um monte de gente e estragando muitos planos e sonhos, tanto do golpe quanto de eleições.


 “Nunca terei transgressores preferidos, como bem demonstra o leque sortido de autoridades investigadas e processadas por minha iniciativa perante a Suprema Corte. Da esquerda à direita, do anônimo às mais poderosas autoridades, ninguém, ninguém mesmo, estará acima da lei, no que depender do Ministério Público”

Se ele sair vitorioso, derrotando a turma do Impeachment, no andar de cima.  E também Moro, Lula (titular) e Wagner (reserva), no andar de baixo...
Ganhará fama de justiceiro bonzinho e poderá até ser o próximo presidente do país! 
Mas por enquanto só está colecionando numerosos inimigos.


JANOT QUER PRENDER CUNHA, LULA , MORO...
E SE POSSÍVEL GILMAR MENDES!
QUER VIRAR HERÓI NACIONAL!
ESTÁ TUDO AGORA - ABSOLUTAMENTE TUDO - 
NAS MÃO DO STF -  QUE DUREZA NÉ??  
POR ISSO QUE O GILMAR ESTÁ SOLTANDO FOGO PELAS VENTAS!

Embora a Corte Suprema possa ser tentada a tomar suas decisões precipitadamente com base nos valores absolutos dos fatos.  Seria recomendável ver a totalidade.  O que está em Jogo
- AGORA -
mais que os crimes cometidos,  é  o Pacto de Reconstrução Nacional.  

Mas como esperar boas e sábias decisões desse Supremo quando Renan nos revelou que  
"apesar dos País estar pegando fogo o STF só se preocupa com seu reajuste salarial"???

Mas o povo (Petralhas + Coxinhas) quer mesmo é ver Cunha, Lula e Moro na cadeia. Janot quer jogar para essa platéia e levar todos os louros, ficar com todos os méritos.  Além disso, parecerá neutroagradará Gregos e Troianos.  
É uma grande jogada do PGR se mostrar como  Esperança e Salvação do Brasil, mesmo que seja tudo uma farsa.


Adoraria que Janot abandonasse suas ambições presidenciais.
E que o STF prendesse todos os corruptos, inclusive Moro e Gilmar, apoiando Dilma a ser reempossada e até o término do mandato em 2018, quando haveria eleições que Lula venceria.  
Mas não creio que vá acontecer assim, 
Janot reivindicará seu prêmio: a Presidência!

Salvo se for previamente desmascarado num artigo esclarecedor, 
explicando tudo, como esse.

By Mico
Tollstadius

P.S.
Esse texto é uma tentativa de interpretar o panorama político que se desenhou nos últimos dias para que possamos nos preparar para os desdobramentos que seguem acelerados e confusos.

Um comentário:

Arlene Gonçalves disse...

Não engulo essa de salvador da pátria, herói nacional ou pai da pátria. Candidato com esse perfil, não tem meu voto. Quanto ao juiz, faça o que tem que fazer, usando a lei com honestidade e sem segunda intenções.
Quanto a Dilma torço por seu retorno, pois tem se mostrado uma pessoa digna e vítima de um golpe sujo, assim como de resto, todo o povo brasileiro. Quanto a Lula, se em 2018, for candidato, votarei nele sim e até que me provem o contrário, ele tem minha confian
ça.